Google

Emoções: Descubra por que a Raiva é um das emoções mais perigosas para nosso equilíbrio emocional!

por

Estou publicando uma série de artigos sobre emoções! Uma reflexão de como elas influenciam nossa vida e como podem prejudicar quando são negativas!

A raiva é considerada, de modo geral, a emoção mais perigosa que possuímos, mas ela é muito mal interpretada. É uma emoção básica que tem como principal função a sobrevivência emocional. Vamos entendê-la.

O estresse nos leva a ter movimentos de luta ou fuga, dando força corporal e gerando energia para superar obstáculos, quando houver ameaça a nossa vida física. É uma defesa natural. Os homens e mulheres primitivos necessitavam do estresse constantemente, porque as ameaças eram reais e fatais.

Com a evolução da humanidade, o crescimento econômico e as civilizações, os perigos reais passaram a ser muito menores. E isso é bom, mas nos trás problemas. O homem ao evoluir intelectualmente, mas não emocionalmente, não sabe como lidar com a reação automática (chamada estresse) diante de situações virtuais de perigo. Nosso organismo reagirá a uma ameaça imaginária da mesma forma que reagiria a um perigo real. Isso pode gerar um acúmulo energético, causador hoje em dia, esse sim, de sérios problemas de violência gratuita e de saúde, muitas doenças crônicas, por exemplo.

Mas, espere! Não estávamos falando de raiva? Sim. Estávamos, é que precisamos esclarecer que a raiva tem como função manter nossa sobrevivência emocional, diferente do estresse, que busca a sobrevivência física. Ambos são semelhantes, mas não iguais. A raiva é gerada pela ameaça a nossa integridade emocional ou nosso ego.

Mas, o grande causador dos problemas encadeados pela raiva é, ainda assim, o acúmulo causado pelo bloqueio em nosso corpo energético. Para entender melhor, usaremos o exemplo dos animais. Ninguém mais do que os animais selvagens lidam diariamente com o estresse. Esse mecanismo de luta ou fuga é automaticamente ligado em qualquer situação de perigo. Porém, assim que a ameaça desaparece, o animal entra em um estado natural de alerta, mas sem estresse e sem acúmulo energético, pois toda a adrenalina foi usada para defender-se ou fugir.

No nosso caso, as ameaças, quando não reais, não são suficientes para eliminar a adrenalina causada por uma dada situação e isso causa o acúmulo dessa energia, que bloqueada em nosso corpo, cria reações e pensamentos que vão, com o tempo, integrar nossos pensamentos limitantes e afetar nossas vidas, gerando situações de aparente violência gratuita.

É importante entender que a defesa de nossa integridade emocional é, também, fundamental para nossa sobrevivência. Precisamos estar física e emocionalmente bem para termos uma vida plena. Então, sentir raiva não é algo ruim. Em alguns momentos a raiva é excelente como forma de indignação e proteção da vida como um todo. Mas, é preciso aprender a tomar esse remédio, que pode se tornar amargo e muito perigoso.

E você pode usar a EFT e TFT para liberar a raiva porque essas técnicas são verdadeiros remédios! Você consegue relatar alguma situação semelhante que acontece com você ou com alguém que tem problemas com a raiva ativa na sua vida?

Que tal compartilhar esse artigo com essa pessoa! Técnicas de liberação emocional EFT e TFT podem ajudá-la!

Deixe seu comentário. Compartilhe sua experiência. Leio todos, um por um!

Terapeuta Emocional - TFT Advanced (Optimal Health Voice Technology) e EFT (Emotional Freedom Techniques) - Acupunturas emocionais sem agulhas. Terapeuta emocional, apaixonada por ajudar as pessoas a encontrar mais paz, mais equilíbrio, mais coragem, mais bem-estar em suas vidas!

5 Comments to Emoções: Descubra por que a Raiva é um das emoções mais perigosas para nosso equilíbrio emocional!

Deixe seu comentário aqui